segunda-feira, 25 de julho de 2011

0

DE FRENTE PARA O ASSASSINO...


Dia 18 de julho, foi a audiência do caso do jovem Luis Paulo de Oliveira Barbosa, assassinado em dezembro de 2010, por um professor da FATEC por motivo torpe.

E a pedido dos pais do Luis Paulo, estive com eles no Fórum da Barra Funda para acompanhar a audiência.

Tenho acompanhado desde janeiro o caso e os apelos constantes e emocionados desses pais, que não se conformam com a perda brutal do filho amado, e dói em mim cada relato, cada lágrima derramada.

Enquanto esperávamos o horário da audiência, na rampa do Fórum, o assassino passou por nós e não sei se vou conseguir passar aqui a revolta que senti.

Ao vê-lo vindo em nossa direção, caminhando de cabeça erguida, como se não devesse nada a ninguém e muito menos à justiça, passou por nós com indiferença, mas acompanhei a reação do Toni, pai do Luis Paulo, que ao vê-lo passar, virou-se e ficou observando-o seguir adiante.

Naquele momento me perguntei:
- O que se passa na cabeça desse pai, vendo o assassino do seu filho passar na sua frente, livre, leve e solto? E a resposta não saberei dizer, mas ao virar-se novamente para nós com os olhos marejados, senti em seu semblante o sentimento de impotência.

Definitivamente, Deus escolhe a quem dar determinados fardos, pois sabe que apesar da dor e revolta saberão suportar com dignidade e resignação. Não sei qual seria a minha reação diante de uma situação dessas e nem consigo imaginar.

Doeu em mim, assim como ouvir da Adriana, mãe do Luis dizer:- "Sei que meu filho não irá voltar, mas só terei paz quando ver esse assassino sair daqui algemado".





O RÉU IRÁ À JÚRI POPULAR

Em 18/07/2011 a juíza decidiu na audiência que o réu, Luiz Claudio Marques de Albuquerque, acusado de assassinar o jovem Luis Paulo Oliveira Barbosa, vai à Júri popular, mas ainda não tem data marcada. Os advogados de defesa irão recorrer.

Esperamos que a Justiça seja feita, que o assassino seja condenado e que enfim a família do Luis Paulo possa ter um pouco de paz.

Sandra Domingues

Nenhum comentário:

Postar um comentário